H O M E      L O O K S     M O D A     B E L E Z A      L I F E S T Y L E      V Í D E O S      A N U N C I E


       

23 fevereiro 2015

6 months!!! Dá pra acreditar?


Oi gente!

Vim aqui dar um alô pra vocês não acharem que sumi de vez, a verdade que minha vida está uma tremenda duma loucura, as vezes muito boa e as vezes nem tanto assim, rs. Bom, hoje vou contar um pouco pra vocês sobre tudo que tenho feito e sentido nessa fase da gravidez. Fiz 6 meses já, dá pra acreditar como passou voando???
São tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo que não sei como estou conseguindo lhe dar com tudo sem "efetivamente" pirar. hahaha Tá, a verdade é que as vezes faço um certo drama - coitado do Rapha (sou muito ansiosa e sofro por antecipação, pensa!) mas ando tentando ao máximo me controlar pela minha saúde e principalmente pela do Enrico. Falando nisso ele está ótimo, gordinho, saudável, fiz a UTS morfológica há 2 semanas e vimos como Deus nos abençoou!!! Sou muito grata pela vida e saúde dele!!!
Bom como disse foram e são váaaaarias coisas acontecendo ao mesmo tempo pois antes mesmo de receber a melhor e talvez mais assustadora surpresa de nossas vidas, a confirmação da gravidez eu estava envolvida com a mudança de casa, com o planejamento, a obra, os móveis etc. E juro, na hora até pensei: que ótimo, melhor impossível já fazemos o quartinho dele junto com o apê novo etc, será melhor assim...blá blá blá. Mas gente, o que é uma mulher grávida dentro de uma obra? Me diz? Eu digo com propriedade à vocês - uma bomba relógio prontinha pra explodir! kkk
Imagine todos aqueles sentimentos misturados que agora me fazem entender o maior clichê maternal já existente - "só quem é mãe entende" sendo confrontados com pedreiros, sujeira, marceneiros, prazos errados, instaladores... Juro, TUDO, tudo mesmo fica muito mais difícil quando você está grávida, a fragilidade, os sentidos a flor da pele, é tudo muito real. Fora o extinto de proteção, esse sim absurdo, uma força que vem de dentro, uma defesa que até eu me assusto... Enfim, por essa loucura eu passei e ainda passo as vezes, mas pra falar a verdade aprendi a filtrar já, acho que me adaptei... o turbilhão chamado mudança de casa não me afeta mais. Foram dias de MUITO trabalho, mais de 100 caixas para arrumar, e o combo médio diário para administrar de 5 homens trabalhando na sua casa - detalhe, com você DENTRO - detalhe mór, GRÁVIDA! kkk maaaaas tudo está encaminhado, faltam alguns móveis pra entregar e acabamentos finais, devagar vou dando conta de tudo. E o próximo passo? Dai  que vem a preocupação atual, essa sim que parece ser a maior de todas agora (olha o drama!) o quartinho dele! Jesusssss esse sim vi que dá trabalho heim, comprei o berço e encomendei algumas coisas e choquei que a maioria dos fornecedores te pede de 40 à 60 dias pra entregar. E a ansiedade de uma mãe fica como??? Povo sem coração. Agora minha vida é essa, fooooco no quarto do garoto. Viu como é? Será que tô doida varrida?  
Mas até que meu "filtro" tá funcionando legal porque eu me surpreendo com a paciência que tiro do fundo da minha alma as vezes por aqui, MUITAS coisas que antes me irritariam e me fariam explodir igual doida, estão passando ilesas nesse momento.., parece até um teste diário, um game, sei lá... mas devo estar na média da turma. Dai me pergunto se isso seria a serenidade de uma mãe ou cansaço de uma grávida mesmo?
No início, logo que descobri, foi bem estranho mesmo, fiquei com muito medo... foi um momento de adaptação, aceitação de que a vida mudaria completamente, aquele sentimento de realização, extrema alegria e dúvidas sobre o futuro, tudo ao mesmo tempo. Foi um turbilhão de emoções... Falando assim parece até fácil, mas não é não. Resultado disso somado a mudança da casa: sobrecarga, correria, stress e ainda muita culpa por não estar dando tanta atenção como queria pra várias coisas, como o blog por exemplo! Mas essa fase já passou... aceitei que não sou mil e não dou conta de tudo! Só quero saber de curtir a melhor fase da gravidez, onde tenho energia de sobra! Não quero e jamais serei aquela mãe sofrida, reclamona que se vitimiza para tudo e para todos. O marido e o casamento agradecem!
E agora que as coisas estão entrando nos eixos inventei de viajar. Curtir com o Rapha nossa última viagem à dois (durante algum tempo provavelmente) e aproveitar pra comprar umas coisinhas pro Rico porque aqui está tudo pela hora da morte $$$ !
Embarco domingo pra Miami, fico 10 dias por lá e depois conto tudinho pra vocês do enxoval, eu terei ajuda da Mommys Concierge, já ouviram falar? Não vejo a hora! 

Bom, é isso galera! Acho que falei demais até por hoje! Vou dando notícias essa semana aí pra vocês ok!

Beijos,

Lú.

Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. A gente entende Lu! É uma loucura mesmo, mas no final dá tudo certo...e de quebra terá o maior presente da sua vida. Boa viagem...bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tks Fláaaa, ainda bem que as mamães me entendem kkkk

      Mega beijo!

      Excluir

Deixa um comentário, vai ❤

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...